NOTA DEZ

O blog O espaço de Janieire, criado pela minha irmã, recebeu o seu primeiro comentário: uma menina de oito anos comentou uma uma das postagens do blog, sobre rapel, onde fez uma breve explicação sobre o que era esse esporte radical. Aliás, agradeceu a ela pela simples razão de que achou ali a resposta de uma pergunta. Ou melhor, da lição de casa:

Uau Obrigada…Tenho 8 Anos e Não Sabia Oq É rapel..Agora q lI…Eu Precisei Para Um Dever Mas Agora Ja Sei ,uito Obrigada Mesmooo

Pois bem, é isso mesmo: um blog como esse também é uma ótima fonte para trabalhos escolares!

E olhe que a fonte preferida entre 9 em cada 10 estudantes para elaboração de trabalhos e afins é a famosa Wikipedia, elaborada não apenas por especialistas, mas também por pessoas como eu e você. Elas criam uma conta e escrevem os verbetes da enciclopédia virtual mais procurada do mundo. O lema já diz tudo: A enciclopédia livre.

Além de fazer um bom trabalho, saiba fazer uma capa bem criativa. Mas um blog comum como esse, criado por um simples estudante de 3º ano de João Pessoa, acostumada a pesquisar na Internet trabalhos e estudos dirigidos, pode ter colaborado diretamente para um trabalho de escola Brasil afora. Por exemplo: a postagem anterior, A caixa mágica, foi escrita (com base em informações da Wikipedia) por livre e espontânea vontade para lembrar ao leitor sobre os 58 anos de TV no Brasil e conta uma breve e resumida história sobre esse veículo de comunicação tão influente. Pode ser tranquilamente usada num trabalho escolar (lembre de mim). Ou até mesmo algumas (para não falar todas) as postagens do tag Contando História, aquela que conta as histórias de várias coisas ou fatos interessantes das quais pouca gente sabe a origem delas. A categoria foi inaugurada em 7 de julho com uma postagem sobre o Plano Real, que havia completado 15 anos. Muita gente acaba achando os blogs literalmente do acaso no meio de uma pesquisa escolar usando o Google e, claro, encontra a resposta de suas mais complicadas perguntas.

E pensando em seu sucesso num simples, porém não menos complicado trabalho de escola, o blog lhe ajuda a montar um trabalho com conteúdo (e compreensível, de preferência) em apenas três dicas simples:

  • Pesquise, pesquise muito, e só selecione o essencial para o trabalho, ou seja, os principais tópicos;
  • Cite as fontes de onde você retirou os tópicos. Faça isso na última página do trabalho;
  • E, para encerrar, faça uma capa bem criativa.

Em média, de cada 10 sites onde pesquiso trabalhos escolares, 2 são de blogs. Coloco todos os links de onde achei os tópicos no final do trabalho. Em média esses trabalhos me rendem uma nota 9.

E é muito gratificante saber que alguém pode ter tirado um 9 (ou 10) por algum trabalho onde este blog aparece como uma das fontes de pesquisa. Se você tem um blog e está lendo esta matéria, saiba que algo que você escreveu colaborou indiretamente para uma nota 10. Tem alguém aprendendo sempre com a gente…

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Posts no Instagram no computador para todos A nova home do Blog Josivandro Avelar Novidade no Close Friends do Instagram Gravação de áudios com pausa no WhatsApp Comunidades no WhatsApp?