Image

ContentTalks: Se liga nas tendências, mesmo que não trabalhem sozinhas

Mesmo que pareçam não funcionar muitas vezes, tendências não podem ser jamais desprezadas. Mas é preciso lembrar que elas não trabalham sozinhas.

Manter um projeto como este atualizado todos os dias não é fácil, e quando eu digo projeto, digo sobre o conjunto site-redes sociais, afinal, um não existe sem os outros. Afinal, como você tem acesso aos meus conteúdos se não pelas redes sociais, e principalmente, mecanismos de busca? É por isso que a cada dia este editor que vos escreve vai além de só digitar um monte de palavras que para muitos parecem palavras perdidas. Ele pesquisa as tendências.

E isso em todas as plataformas possíveis, quer seja o Google Trends, quer sejam as músicas das plataformas de vídeo, afinal, eu produzo vídeos todos os dias por conta das artes digitais – e olha que hoje eu fiz uma verdadeira força-tarefa para salvar os vídeos do Ibis Paint para enfim poder retomar as postagens por lá, mas isso eu falei no post anterior. Para tudo você tem que estar antenado nas tendências e não ficar para trás, em todos os sentidos.

O que mantém um projeto atualizado é a necessidade de se antenar e não ficar para trás. Muitas vezes eu paguei por ser um cabeça-dura e não acreditar tanto assim no movimento das tendências de mercado. E olha que eu me formei em Comunicação Social com habilitação em Publicidade e Propaganda, mais conhecido como Publicidade e Propaganda mesmo. Já trabalhei com publicidade comercial e sei como são essas coisas.

Mas essas coisas são importantes mesmo que não pareçam ter importância por causa de uma coisa: saber se essas tais “tendências” funcionam para mim. Ultimamente nem tanto porque nem sempre se dá para confiar no digital para tudo, talvez eu precise de ações offline para potencializar as estratégias dos canais digitais. Eu entendo que muitos profissionais conseguiram catapultar os números de seus canais digitais graças ao offline, e o online muitas vezes termina sendo uma loteria.

Até porque é sobre reter quem só vê, afinal, você assiste um vídeo e deixa passar, nem procura ver os outros, e nessa o público offline termina sendo mais fiel. Já comecei a traçar umas ideias para conquistar esse público com a tela desligada. As artes podem colaborar? Podem. O público local pode colaborar? Dentro das possibilidades. Tem que colocar a cabeça para trabalhar e sabe como é, ideias não faltam e só precisam disso mesmo: ser trabalhadas.

As tendências de mercado são importantes para manter o site atualizado não somente com quatro posts por dia, mas também ao que é notoriamente uma tendência. Mas sozinha, ela não vai trabalhar para fazer os projetos digitais crescerem. Já trabalhei com tendências e não vi grandes resultados tão e somente com digital. Mesmo que não trabalhem sozinhas, tendências mais ajudam a reforçar do que propriamente serem um pilar. E por isso, não podem ser jamais desprezadas.

E se eu combinar uma estratégia de offline, talvez pode ser que funcione. O que eu não posso fazer é deixar a minha identidade de lado. As pessoas precisam me conhecer da maneira que eu sou e pelas coisas que eu faço. O restante são consequências do trabalho que é desenvolvido aqui. E é desse jeito que o trabalho continua aqui no site e nas mídias sociais. E que de certa maneira, funcionam dentro da medida do possível.


Receba os posts do site em seu e-mail!

Toda vez que um post for publicado no site, você irá receber na hora.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Antes de deixar o seu comentário, leia a Política de Comentários do site.

Luneta Sonora

Um podcast sobre tudo e o nada ao mesmo tempo.
  1. Luneta Sonora 133: Sorteio das cores da rodada 133 da #FolhaColorida
  2. Luneta Sonora 132: Que tal mais um pouquinho de bastidores?
  3. Luneta Sonora 131: É feriado, mas eu tenho que gravar
  4. Luneta Sonora 130: Mais uma semana trazendo novidades
  5. Luneta Sonora 129: Um episódio organizado no meio da desorganização
  6. Luneta Sonora 128: Só mais um episódio com recados da semana

Assine A Luneta

Receba os posts do site em uma newsletter enviada às segundas, quartas e sextas, às 8 da manhã.