Agora vai: pagamentos no WhatsApp em breve

Em junho do ano passado, falei sobre o lançamento do recurso de pagamentos do WhatsApp, contando também como é que vai funcionar. Na semana seguinte, o Banco Central suspendeu o recurso, avaliando que seria necessária a realização de uma avaliação de riscos para evitar o que, segundo ela, seriam “danos irreparáveis no que se refere à competição, eficiência e privacidade de dados.” Demorou, mas saiu: o recurso foi liberado pelo Banco Central nesta terça-feira (30).

Mas calma: o recurso ainda não está disponível, falta só o WhatsApp acertar os detalhes e lançar. E quando o WhatsApp lançar, esse recurso inicialmente estará disponível para pagamentos por meio de cartões de bandeiras MasterCard e Visa. Tudo devidamente descrito neste post do blog – a menos que algumas outras coisas mudem, e se mudarem, eu aviso. Lembrando que para que você utilize o recurso, as transações devem ser redirecionadas ao Facebook Pay.

A autorização em questão só está liberada para transferências, pré-pago e depósitos, ainda não sendo disponibilizada para compras. Ainda assim, pode ser interessante para negócios de revenda, por exemplo. Ou seja, essa é uma funcionalidade que vai ser aprimorada conforme a adesão dos usuários, afinal, é claro que vão haver usuários que não irão confiar assim de cara, e o motivo você já deve saber porquê.

E é claro que preparei uma web story bem dinâmica contando mais sobre o assunto. Dá uma conferida.

Prepare-se para o futuro dos pagamentos

Como bem disse, o recurso ainda não está disponível; quando estiver, eu aviso e conto como é que vai funcionar. Afinal, as regras descritas pelo WhatsApp podem ser alteradas, por isso é bom acompanhar se haverá alguma mudança em relação as regras iniciais de uso do recurso de pagamentos divulgadas no ano passado.

E em se tratando de WhatsApp e todo o questionamento envolvido sobre a proteção de dados, é compreensível que as pessoas também estejam um pouco com pé atrás, visto toda a polêmica da política de privacidade. A conferir os próximos capítulos.

E ah, trago mais detalhes nas redes sociais – siga-me no Instagram – e conforme for apurando, trago para cá no blog. Em breve, você terá um meio para cobrar as pessoas que lhe devem com estilo – e que elas paguem com facilidade. Só mandar uma ordem de pagamento e pronto: acabou as desculpas.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Novidade no Close Friends do Instagram Gravação de áudios com pausa no WhatsApp Comunidades no WhatsApp? IGTV agora é Instagram TV Instagram enfrenta nova instabilidade