Cada começo tem suas lembranças

Essa foto da imagem de destaque acima é de março de 2014, e esse foi o último visual que o Blog Josivandro Avelar teve quando ainda era Blogger. Meses depois, mais um começo. E é relembrando esses começos que inicio as comemorações dos 12 anos do Blog Josivandro Avelar. Sim, este blog é um dinossauro da Internet.

Em agosto do mesmo ano, adquiri uma hospedagem e migrei o blog para WordPress, onde tô até hoje. Na cara e na coragem, porque é assim que eu vivo na carreira; na tentativa de ousar.

O Blog Josivandro Avelar nasceu em 23 de dezembro de 2008, quando eu tava saindo do segundo ano do ensino médio e no quarto de casa, onde funciona até hoje. Tinha essa ideia em mente há um bom tempo, já daquela época sabia com o que ia trabalhar e só executaria a minha ideia quando a casa tivesse Internet instalada (era raro naquela época, acredite).

Imagem que mostra como o blog era em 2014, exibido numa tela de computador, sob crédito #12anosdoblog e a luneta que representa o Blog Josivandro Avelar. Fim da descrição.

Detalhe para ícones de redes sociais que não existem mais, como o Orkut. Tumblr desativado. E as demais redes ainda existem, como o Instagram, o Pinterest

Relembrando cada começo, lembramos da história

Aos pouquinhos vou contando a história do blog, onde tudo começou e onde a história continua, relembrando os 12 anos da ideia mais maluca da minha vida. Mas que com muito esforço e dedicação está de pé. Porque sei que nada é fácil, e sei que não quero ser óbvio demais.

Queria compartilhar mais histórias como essa, aproveitando o gancho do aniversário do blog, para mostrar como era trabalhar com mídias na década passada. Na tecnologia, o tempo passa muito rápido e temos que acompanhar tudo na mesma pegada.

E tenho mais registros jurássicos para os padrões tecnológicos, porque sabe como é; a tecnologia torna coisas de dez anos atrás em coisas jurássicas. Ao longo desse mês de dezembro e em outros momentos de #tbt por aí, vou resgatando cada começo. Pois cada começo tem suas lembranças.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *