MATERIAL ESCOLAR

Para começo de conversa, gostaria de agradecer muito ao meu colega de escola Hallison Fernandes, que tem dado uma grande força ao meu blog. Eu visitei o perfil dele e vi que ele recomendou o Diário do Josi aos seus amigos, fiquei muito honrado, pois sei que certamente o Diário conquistou admiradores aqui na capital e no interior da Paraíba.
Agora sim, vamos ao assunto: material escolar.
Certamente meus colegas comprarão pouca coisa; só cadernos e canetas, ou mesmo fichário. Aliás, posso lhe antecipar uma coisa; o meu atual fichário, aquele que me acompanhou na trajetória do 2º 30, vai me acompanhar novamente em 2009. É fundamental avaliar se algum material que você usou no ano passado está em bom estado. Assim você pode reaproveitá-lo. É o caso do meu fichário.
Quando for a hora de comprar, ande muito, pesquise. As variações de preço dos materiais chegam a até 267%, segundo o Procon-PB, que fez uma pesqisa nas livrarias de João Pessoa e Cabedelo. Só citando um exemplo, o preço mais baixo da minha caneta preferida é de R$ 0,45; o mais caro, R$ 0,80. Pesquise também os preços nas papelarias do seu bairro.
A pesquisa que encontrei está no site do Procon-PB (http://www.procon.pb.gov.br/), onde você encontra outras dicas importantes.
Assim, esperamos que você aproveite as dicas e economize na compra dos materiais. E que aproveite-os.
Compartilhe este post