A batalha é dura, mas a gente tem fé

Pois é, que semana foi essa? Nem sei se eu quero me lembrar direito, mas isso não deixa de ser um documento. Uma semana em que atrasei um monte de coisas, uma semana que me derrubou, mas aqui estou eu, firme e recuperando as forças aos poucos, porque eu sei que a batalha é dura.

A doença em questão é a dengue, sim, aquela provocada por um mosquito, que te pica sem que você saiba. Todos em casa pegaram nas últimas semanas, faltou eu. E aqui estou eu me tratando e levando o trabalho como uma terapia para tentar amenizar a preguiça e a indisposição.

A sensação? Horrível. Por isso não dê mole com água parada em casa. Pode ser que só você consiga retirar todas as poças de água, mas seu vizinho não. Faça a sua parte, pois combater essa doença depende de esforço coletivo.

Apesar de ser horrível, tô conseguindo manter o que for possível em funcionamento daqui de casa, pois como disse, para mim escrever funciona como uma terapia.

Por isso eu consegui manter o blog atualizado diariamente, ainda que tivesse que fazer escolhas, como deixar acumular as redes sociais, deixar só para hoje o resumo da semana no blog, enfim, essas coisas que vão me fazer lembrar que passei por tudo isso e não sei como eu consegui superar.

Mas vai ficar tudo bem. Logo mais tô 100% de novo. E ainda que não esteja, sigo por aqui de alguma maneira.

E vou me livrar de tudo isso. Porque a batalha é dura, mas a gente tem fé.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

A semana no blog- 26 de junho a 2 de julho Os novos recursos que apareceram no (meu) Instagram A semana no blog- 19 a 25 de junho Como esconder dados de contatos específicos no WhatsApp A semana no blog- 12 a 18 de junho