Image

Minicoluna para encerrar um janeiro morgado

Nada como uma minicoluna para encerrar um janeiro morgado como janeiro de 2024 foi.
,

Agora sim, vamos encerrar o mês de janeiro de 2024 em grande estilo, não é? Para encerrar um janeiro morgado, nada como uma minicoluna, não é?Afinal, hoje é quarta-feira, aquele dia mais morgado do que qualquer outra coisa.

Foi por isso que eu escolhi este dia para a minicoluna, aquele espaço das notinhas menores que um destaque aleatório, mas que eu quero dar tanta importância, que eu escolhi colocar aqui, em um post de destaque semanal.

E então, vamos começar? Morgados, mas vamos.

Antes de começar…

Perdeu a minicoluna da semana passada? Clique aqui.

Agora sim, vamos começar a minicoluna.

Enfim terminou mais um mês de janeiro

A depender de que horas este post entra no ar, estamos nas últimas horas e minutos de janeiro de 2024.

Como de se esperar de um mês de janeiro, morgado. Lento, que eu fiz andar não sei como, mas fiz. E agora, é hora de colocar definitivamente o pé no acelerador.

Dia 5, elas estarão de volta…

Agora é hora de preparar a volta das artes digitais, que voltam no dia 5 de fevereiro com café.

Porque segunda-feira é dia de café (as quartas-feiras ultimamente têm sido de bebida láctea).

Algumas coisas bem adiantadas até…

As artes digitais que estão entrando no ar há umas duas semanas estão sendo feitas na hora, em cima do laço, e assim vai ser no mínimo até semana que vem.

Mas elas já estão sendo entregues com as artes de divulgação, sem precisar fazer tudo em outro momento.

Mais séries de arte

Aos poucos, vamos ter novas séries de arte para preencher os slots do terceiro post das segundas-feiras (e de outros dias também).

Tô achando que tem pouca arte neste site, não sei por que…

Recalculando rotas

E nessa virada de mês, é mais do que necessário recalcular rotas, principalmente nas redes sociais.

Será que o público sente o impacto das mudanças de programação, como a deste mês de janeiro? Coisas a se analisar…

“Agora vai” quando mesmo?

As mesmas 14 tendas da 14 de Julho continuam lá. Elas foram montadas para abrigar comerciantes da Feira do Rangel, que vai ser totalmente reformada.

Mas até agora, não houve maiores movimentações senão essas. Sigo atualizando por aqui.

Mais uma vez: quem explica o Instagram?

O meu perfil do Instagram voltou a ter 999 seguidores. Não creio estar fazendo nada de errado, aliás, eu não irei mudar uma letra da minha linha editorial.

Ou eu não seria eu mesmo.

Vamos passar dos 1000 e não voltar mais aos três dígitos?

Dê-me essa força: siga-me em instagram.com/josivandroavelar e vamos fazer esse perfil voltar ao milhar com folga.

Imagine quando as artes digitais voltarem em versão estática, no dia 5 de fevereiro.

Fortalecer este projeto é importante!

Eu continuo em busca de novos trabalhos e mantendo os meus projetos de forma 100% independente, com agenda e comissões abertas para as artes físicas e digitais.

Não deixe de conferir o meu plano de patrocínio e assinaturas! Clique aqui e escolha a melhor opção para ajudar a fortalecer este projeto.

E tem outras formas de fortalecer

E para além do plano de patrocínio e assinaturas, você também pode colaborar com qualquer valor para o meu trabalho, mesmo que não adquira nada, através do Pix artesdigitais@josivandroavelar.com.br.

Mas se quiser adquirir uma arte, pode entrar em contato comigo. Confira antes o Mídia Kit de Artes Digitais.

Arte digital do dia

Esta é a arte digital de hoje nas redes sociais. Dia 5 elas estarão de volta aqui no site!

Afinal de contas, já não era sem tempo. Já tava sentindo falta.

Clássicos de Josivandro Avelar

Se clássico é clássico até em cima do laço, cá está mais um.

Janeiro é tão morgado que esqueci de fazer os lotes. Nem sei como fiz os das artes digitais atuais.

Siga-me…

No Instagram – e nas demais redes sociais – em @josivandroavelar. No X e no Telegram, em @josivandro.

Prontos para fevereiro?

É desse modo que a gente se despede de janeiro de 2024. Agora é hora de começar mais um mês, vamos primeiramente atravessar o Carnaval, e depois, bem, eu acho que enfim o ano já pode começar, não é?

Semana que vem tem mais uma tradicional minicoluna, como em todas as quartas-feiras. Porém eu estou com vocês todos os dias, aqui no site e nas redes sociais.

E vamos que vamos rumo a mais um mês! O primeiro mês de 2024 foi concluído com sucesso, na certeza de que o próximo mês vai ser melhor.


Receba os posts do site em seu e-mail!

Toda vez que um post for publicado no site, você irá receber na hora.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Antes de deixar o seu comentário, leia a Política de Comentários do site.

Luneta Sonora

Um podcast sobre tudo e o nada ao mesmo tempo.
  1. Luneta Sonora 126: Se eu esqueci de alguma coisa, eu não me lembro
  2. Luneta Sonora 125: Como eu esqueci de oito desenhos?
  3. Luneta Sonora 124: Que legenda este episódio merece?
  4. Luneta Sonora 123: A velha rotina está de volta
  5. Luneta Sonora 122: Nunca pode ser tarde, mas tem sido tarde
  6. Luneta Sonora 121: Um dia de recados soltos

Assine A Luneta

Receba os posts do site em uma newsletter enviada às segundas, quartas e sextas, às 8 da manhã.