Image

As portas que a Internet abriu para mim

Você percebeu alguma alteração na sua habilidade de aprender coisas novas, adquirir habilidades ou acessar informações educacionais desde que a Internet se tornou amplamente disponível?

Você percebeu alguma alteração na sua habilidade de aprender coisas novas, adquirir habilidades ou acessar informações educacionais desde que a Internet se tornou amplamente disponível?

A Internet abriu várias portas que acreditei que sempre estivessem trancadas. Uma porta fechada pode ser aberta a qualquer momento, mas uma porta trancada, essa sempre é a mais difícil. Mas eu consegui mais do que eu esperava. Sempre digo isso a quem tiver oportunidade de escutar as minhas histórias.

Quando tudo isso aqui era mato, eu já pensava além, em não ser um mero espectador, mas ser voz ativa entre tantas vozes. Comecei devagarinho, descobrindo esse mundo, sabendo por onde andar e aprendendo a caminhar por onde eu não sabia muito bem onde. Hoje posso dizer que eu sou um veterano nisso aqui.

Afinal, quando você cria o seu espaço e o seu ecossistema na Internet, você não é apenas mais um entre tantos, não é apenas mais um caminhando no meio da rua sem saber por onde ir e sem saber o que dizer para o mundo. Você é você mesmo de todas as formas e é assim que você quer ser visto.

E eu aprendi muita coisa. A escrever? Isso eu já sabia. Só não imaginava mexer em um site de uma maneira tão intensiva, fazer manutenção, mexer em códigos e tantas outras coisas que quem vê esse texto nesse site não faz ideia do que é viabilizar esse projeto no ar de forma diária.

Mas eu quero dizer que eu consegui. Mais do que eu poderia imaginar. E é nesse objetivo que eu continuo na minha eterna curiosidade e vontade de descobrir cada passo desse mundo que nem sei se eu conheço direito. Mas que me ensinou muito e me ensina até hoje.

Este é o tema “Conhecendo Você”, o primeiro post do dia no Site Josivandro Avelar, onde as perguntas que eu respondo sobre temas de cotidiano e autoconhecimento são sugeridas por inteligência artificial.

Quer me conhecer melhor? Siga-me nas redes sociais abaixo:


Receba os posts do site em seu e-mail!

Toda vez que um post for publicado no site, você irá receber na hora.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Antes de deixar o seu comentário, leia a Política de Comentários do site.

Luneta Sonora

Um podcast sobre tudo e o nada ao mesmo tempo.
  1. Luneta Sonora 127: Sério que eu esqueci dos três anos do podcast?
  2. Luneta Sonora 126: Se eu esqueci de alguma coisa, eu não me lembro
  3. Luneta Sonora 125: Como eu esqueci de oito desenhos?
  4. Luneta Sonora 124: Que legenda este episódio merece?
  5. Luneta Sonora 123: A velha rotina está de volta
  6. Luneta Sonora 122: Nunca pode ser tarde, mas tem sido tarde

Assine A Luneta

Receba os posts do site em uma newsletter enviada às segundas, quartas e sextas, às 8 da manhã.

Clássicos da Luneta

Posts de anos anteriores para relembrar.