Image

Coluna das novidades da comunidade #001

É muita novidade para uma semana só. Por isso, criei esta coluna de novidades da comunidade para mantê-los atualizados sobre o que está acontecendo aqui no bairro.
, ,

Trago novidades e não são poucas da comunidade. Transformação urbana em seu estado puro. Sei que essas coisas assustam, mas de tempos em tempos elas acontecem e são inevitáveis para uma cidade que cresce, enquanto nós estamos no meio dela.

O balanço da segunda edição da lista de desejos que vai ao ar no mês que vem promete vários risquinhos vermelhos. E algumas coisas que prometem esses risquinhos estão nesta coluna das novidades da comunidade, no melhor estilo da minicoluna.

Algumas coisas eu até contei na minicoluna propriamente dita de ontem. O resto eu quis deixar para hoje, e vamos que vamos:

O primeiro passo está próximo

Você já sabe da história toda da Feira do Rangel. Sabe que esperou uma reforma por meio século. Pois este momento está bem próximo de acontecer.

Em 35 anos de idade e 15 de site, quase perdia a esperança de um dia noticiar isso.

Ordem de serviço

Como bem disse ontem, o que foi assinado pelo prefeito foi uma ordem de serviço, ou seja, uma autorização para a construtora já contratada pela licitação iniciar as obras, o que deve acontecer em pouco tempo.

Ainda não se sabe como trocar o pneu com o carro rodando. Isso me gera curiosidade.

Enquanto isso…

Seguem as obras da Travessa Vicente Costa Filho. Nada de derrubarem o muro (sim, isso está no projeto), e talvez isso não esteja tão longe.

O que impressiona é a quantidade de terra que é retirada de uma obra como essa. Já tão no segundo dia de abertura de vala.

Não tá faltando nada?

Ainda existe um trecho da 14 de Julho que está no barro. A única coisa que fizeram foram aquelas marcações nos muros (E0, E1, E2…).

Mas que vai ter obra, vai. Quando, não sei.

Enquanto isso…

Enquanto algumas ruas sem calçamento recebem calçamento, outras recebem asfalto, caso da Elias Cavalcanti de Albuquerque, que depois de não sei quantos anos teve o asfalto completado.

E pode ter o asfalto antigo trocado também.

Uma obra inacabada a menos

A José Francisco da Silva, no Cristo, deveria ter sido completamente asfaltada até o seu final, não fosse a obra largada em 2020 com direito a desnível.

Só foi completada agora, em 2023. Nem precisaram tirar o asfalto da obra inacabada. Agora a rua está completa.

E bem, não vai parar por aí…

Preciso lembrar que só uma coluna das novidades da comunidade não é suficiente para todas as novidades e obras que estão acontecendo no Cristo e no Rangel, por isso, ela pode voltar a qualquer quinta-feira dentro da coluna #MinhaCidade.

Por isso tem esse #001 aí. Sigo me atualizando por aqui para atualizar vocês daí.


Receba os posts do site em seu e-mail!

Toda vez que um post for publicado no site, você irá receber na hora.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Antes de deixar o seu comentário, leia a Política de Comentários do site.

Luneta Sonora

Um podcast sobre tudo e o nada ao mesmo tempo.
  1. Luneta Sonora 138: Mídia Kit de Social Media e Redação
  2. Luneta Sonora 137: Histórias e pilares de uma semana intensa
  3. Luneta Sonora 136: Brigando com os algoritmos
  4. Luneta Sonora 135: Desenha e fala, aproveita o tempo
  5. Luneta Sonora 134: E as minhas redes sociais, como estão?
  6. Luneta Sonora 133: Sorteio das cores da rodada 133 da #FolhaColorida

Assine A Luneta

Receba os posts do site em uma newsletter enviada às segundas, quartas e sextas, às 8 da manhã.