E vamos de plantão…

O mês de julho começou naquela animação… De plantão.

Não bem esse plantão, é verdade.

Bem fundo do baú né? Mas também não. Plantões da época da minha infância à parte, não são bem esses.

Mas plantão local, plantão da cidade, e chega de repetir a palavra plantão.

O que acontece: a pandemia tirou a circulação dos ônibus aqui em João Pessoa por quase quatro meses. Só tinha ônibus para os profissionais de saúde. A volta foi no último dia 6, com 60% da frota, lotação limitada e horário reduzido, das 6 às 19 horas.

O resultado: mais de 20 matérias escritas para o Ônibus Paraibanos apenas sobre esse assunto, e não parando; acompanhando daqui de casa a movimentação e as queixas das pessoas. É lógico que o esquema pode ser questionado e ajustes precisam ser feitos. A gente só quer ajudar.

As matérias são pulverizadas, fiz várias com linhas específicas justamente para focar no compartilhamento; as pessoas querem informações mais precisas e específicas sobre uma determinada linha. Isso ajuda bastante as pessoas, assim como as comunidades onde as linhas passam – e o site também.

O bom de monitorar é que você pode averiguar as novidades. Lhes digo que há umas bolas cantadas, mas para isso prefiro checar e confirmar para saber se é isso mesmo que as coisas vão acontecer.

Nem que para isso sejam necessárias escrever mais 20 matérias. Pulverizar até que ajuda muito. E os resultados aparecem junto com as pessoas, porque jornalismo é feito de pessoas.

Fique ligado nos meus domínios. E nos domínios que trabalho. As novidades não param. E nem tem razão de parar, afinal tá tudo muito movimentado por aqui.

Compartilhe este post