Image

Se eu pudesse dar um jantar

Se você pudesse dar um jantar e convidar qualquer pessoa com presença garantida, quem você convidaria?
Se você pudesse dar um jantar e convidar qualquer pessoa com presença garantida, quem você convidaria?

Eu nem preciso dar um jantar, para falar a verdade. Só os jantares de Natal e Ano Novo – sério, eu já penso nisso em pleno julho – que eu tenho com a minha família me são suficientes.

E eu poderia até convidar mais gente se eu quisesse, se fosse para compartilhar uma conquista da minha história, da minha carreira, qualquer coisa que fosse, e que elas fizessem parte desse momento comigo.

Afinal de contas, é em momentos assim que queremos estar perto das pessoas que mais gostamos, embora não seja o meu hábito dar um jantar.

Até pelo conceito de família. Todos nós nos organizamos. E o jantar é de todos nós.

Uma pergunta sugerida pelo Daily Prompt do Jetpack: diariamente, toda vez que eu abro o app ou a sugestão de escrita diária, o Daily Prompt me sugere um tema.

Siga-me nas redes sociais abaixo:


Receba os posts do site em seu e-mail!

Toda vez que um post for publicado no site, você irá receber na hora.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Antes de deixar o seu comentário, leia a Política de Comentários do site.

Luneta Sonora

Um podcast sobre tudo e o nada ao mesmo tempo.
  1. Luneta Sonora 125: Como eu esqueci de oito desenhos?
  2. Luneta Sonora 124: Que legenda este episódio merece?
  3. Luneta Sonora 123: A velha rotina está de volta
  4. Luneta Sonora 122: Nunca pode ser tarde, mas tem sido tarde
  5. Luneta Sonora 121: Um dia de recados soltos
  6. Luneta Sonora 120: Pessoas reais, conexões reais, propósitos reais

Assine A Luneta

Receba os posts do site em uma newsletter enviada às segundas, quartas e sextas, às 8 da manhã.