Onde o futuro irá me levar? Uma perspectiva sobre 2022

O ano que termina é sempre assim: a gente faz um balanço do ano que termina e faz planos para o ano que começa, mesmo que nem todos os planos sejam realizados ou coisas incríveis surjam até lá. Mas planos são uma bússola e mais uma vez me oriento por essa bússola. Sem ela, onde o futuro irá me levar?

Um desses planos é a marketplace do blog, que terá redação e redes sociais, que é um projeto que está bem no início e logo que tiver mais madura, dou mais detalhes. O projeto Luneta 612 vai ajudar bastante não só na manutenção do projeto como em cada vez mais melhorias e avanço da profissionalização do projeto. A própria coluna no Ônibus & Transporte faz parte disso. Tô à disposição para outras ideias, outras colunas, outras palavras.

Sim, o projeto precisa sim se manter. E é fundamental a sua força, pois sabemos bem que as coisas não estão fáceis.

Se neste mês de dezembro consegui postar todos os dias no blog, quero manter a constância em janeiro, e tenho um desafio para isso, que vou contar ainda no mês que vem, mas até lá, terei colocado algumas coisas no ar no dia 1º – porque tem que ter o primeiro post do ano, não é? – e no dia 2.

O futuro vai continuar sendo desafiador. Cada ano traz sempre desafios difíceis. Mas a gente tira de letra, e a cada desafio, a gente traz mais aprendizado. Como o Luneta Sonora foi nesse ano que termina.

E em 2022, onde o futuro irá me levar? Que ele me leve cada vez mais longe e que cada desafio eu consiga tirar de letra.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.