O Pequeno Príncipe: páginas que inspiram um planeta

Há algum tempo as referências ao Pequeno Príncipe são várias neste blog; desde a época das frases ilustradas até a inspiração para as marcas do blog e dos projetos. A inspiração do nome da 612 Comunicação vem justamente do asteroide B-612 onde o Pequeno Príncipe mora – e no meu microcosmo virou um planeta, mas é uma licença poética.

E por fim, o próprio símbolo do blog, a luneta, é também inspirada no contexto do Pequeno Príncipe, afinal, o slogan do blog é “a luneta de um planeta“, em referência a descoberta do planeta – o blog veio antes da agência – e a possibilidade de observar o universo de onde eu estou.

A inspiração vem das descobertas, e não seria exagero nenhum que minha trajetória se identifique no Pequeno Príncipe. De viajar por aí em busca de descobertas até chegar na Terra. De compreender o mundo e levar o melhor que puder dele. Viajar pelo universo, tão diverso como ele é.

Usei várias frases do autor do livro, Antoine de Saint-Exupéry (1900-1944) nas frases ilustradas. Se você estranhar frases que não são do Pequeno Príncipe, aqui tem de várias obras: ele escreveu outros livros e artigos além do Pequeno Príncipe.

Ok, hoje eu tenho o livro em sua versão digital, mas sempre será um livro de cabeceira, embora a minha cama não tenha uma, e esqueci que não tenho cama, durmo em uma beliche, mas apesar de muita gente sonhar em dormir em beliches, eu sempre irei preferir camas. Mas um dia eu chego lá e tenho o meu próprio quarto – tenho que dividir este.

Se as pessoas grandes te desencorajarem a deixar de lado os desenhos de jibóias – ou de qualquer coisa – eu tenho cada vez mais certeza de que estou convicto das minhas escolhas. E a trajetória do Pequeno Príncipe é onde eu procuro sempre me espelhar. Desde que me entendo por gente.

Inspirado no desafio Bloganuary do WordPress.com

O tema do décimo oitavo dia é “Qual é o próximo livro da sua lista de leitura?“. Tenho vários guardados, mas não poderia deixar de aproveitar a oportunidade para falar do meu livro de cabeceira sem cabeceira.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Sair dos grupos do WhatsApp sem ser notado? Seria um sonho? A semana no blog- 8 a 14 de maio Como usar as reações em mensagens do WhatsApp A semana no blog- 1 a 7 de maio Novidades em teste no WhatsApp em múltiplos dispositivos