Image

O mais longe que eu já viajei de casa

Compartilhe uma história sobre o mais longe que você já viajou de casa.

Compartilhe uma história sobre o mais longe que você já viajou de casa.

O mais longe que eu viajei de casa – pelo que conta por ora – são as duas vezes que saí do território do estado da Paraíba (moro na capital do estado, João Pessoa), ambas com lembranças só de cabeça, isso nos feriados de 12 de outubro de 2000 e 2001, em excursões que a minha madrinha promovia, alugando ônibus que partiam da frente da casa dela, a uma quadra da minha.

E não foram para as capitais desses estados, mas para cidades entre 40 e 80 km delas.

A excursão de 2000 foi para o município pernambucano de Primavera (81 km de Recife), aonde fomos em um dos principais pontos turísticos do município, a Cachoeira do Urubu. Viagem de 195 km partindo de João Pessoa num Cobrasma CX201 Scania da Paraíba Turismo. Era só um dos dois ônibus que a minha madrinha arrumou na ocasião. Quanto ao veículo, ninguém sabe que fim levou, mas era esse aí.

A excursão de 2001, a última vez que saí da Paraíba, foi para o município potiguar de Nísia Floresta (Região Metropolitana de Natal, distante 40 km desta) aonde fomos para a Lagoa de Arituba. Viagem de 147 km partindo de João Pessoa num Marcopolo Viaggio GV 1000 Scania da Viação Rio Tinto (esse ônibus do link, hoje vendido para uma empresa do Piauí). Minha madrinha frequentemente alugava veículos junto a empresa. A Viação Rio Tinto é atualmente uma das maiores operadoras do transporte intermunicipal da Paraíba.

Daqui para os vizinhos

Ou seja, as únicas vezes que saí da Paraíba, foi nos estados vizinhos de Pernambuco e Rio Grande do Norte. E no Rio Grande do Norte, 20 anos depois e graças a meios como este aqui, a gloriosa Internet, criei sites, blogs e amigos.

E hoje quem pega estrada são meus irmãos, mas de carro e a trabalho. Passaram alguns dias da semana fora.

E quanto a mim? Nem eu sei qual o meu próximo destino. Mas quem sabe o futuro proporciona outras viagens, e me leve o mais longe que eu posso alcançar.


Uma pergunta sugerida pelo Daily Prompt do Jetpack: diariamente, toda vez que eu abro o app ou a sugestão de escrita diária, o Daily Prompt me sugere um tema. Siga-me no Instagram, no TikTok e nas demais mídias sociais.


Receba os posts do site em seu e-mail!

Toda vez que um post for publicado no site, você irá receber na hora.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Antes de deixar o seu comentário, leia a Política de Comentários do site.

Luneta Sonora

Um podcast sobre tudo e o nada ao mesmo tempo.
  1. Luneta Sonora 127: Sério que eu esqueci dos três anos do podcast?
  2. Luneta Sonora 126: Se eu esqueci de alguma coisa, eu não me lembro
  3. Luneta Sonora 125: Como eu esqueci de oito desenhos?
  4. Luneta Sonora 124: Que legenda este episódio merece?
  5. Luneta Sonora 123: A velha rotina está de volta
  6. Luneta Sonora 122: Nunca pode ser tarde, mas tem sido tarde

Assine A Luneta

Receba os posts do site em uma newsletter enviada às segundas, quartas e sextas, às 8 da manhã.