Imagem de um céu azul com confetes voando, acompanhado da frase

Folia, pode vir! Descanse, curta, comemore!

Descanse, curta, comemore. Não importa de que maneira você aproveite a folga, o importante é fazer a sua folia do seu jeito, na agitação ou na calmaria.

Agora sim, é sexta-feira, é Carnaval, pode chamar a folia do seu jeito. Curtindo ou na calmaria, da maneira que você quiser, afinal, quem não gosta de uma folga? Folgas são folgas independente das circunstâncias, e aproveitamos a cada oportunidade.

A minha folga de Carnaval vai ser mexendo – e brincando, porque não? – nos sites, dormindo um pouco porque não, aproveitando os dias de folga que posso me dar em trabalhos em casa. Nada melhor do que um trabalho como esse.

Se tudo na vida é folia, não leve a mal, é Carnaval. É claro que vale muito se divertir e é fundamental respeitar e até entrar na folia se quiser. Somos diferentes e admiramos a identidade do Carnaval, do samba do sudeste ao frevo do nordeste. É o que nos identifica, e é lindo ver a cultura da gente.

Algumas folias que eu já contei no blog, mesmo em casa

Descanse, curta, comemore. Não importa de que maneira você aproveite a folga, o importante é fazer a sua folia do seu jeito, na agitação ou na calmaria. O importante é que você tem o seu momento de descansar e sabe que vale a pena pelo trabalho que você desempenha, e todo trabalho é importante e valioso.

De que maneira você vai comemorar o Carnaval? Não importa qual seja, aproveite com responsabilidade e com diversão. Mesmo na minha calmaria, o que mais quero é que você comemore, pule, entre na folia, porque ninguém é de ferro e você merece.

Então, folia, pode vir! É Carnaval e de qualquer modo, o bloco está na rua.


Receba os posts do site em seu e-mail!

Toda vez que um post for publicado no site, você irá receber na hora.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Antes de deixar o seu comentário, leia a Política de Comentários do site.

Luneta Sonora

Um podcast sobre tudo e o nada ao mesmo tempo.
  1. Luneta Sonora 127: Sério que eu esqueci dos três anos do podcast?
  2. Luneta Sonora 126: Se eu esqueci de alguma coisa, eu não me lembro
  3. Luneta Sonora 125: Como eu esqueci de oito desenhos?
  4. Luneta Sonora 124: Que legenda este episódio merece?
  5. Luneta Sonora 123: A velha rotina está de volta
  6. Luneta Sonora 122: Nunca pode ser tarde, mas tem sido tarde

Assine A Luneta

Receba os posts do site em uma newsletter enviada às segundas, quartas e sextas, às 8 da manhã.