APAGOU A LUZ. APAGOU FOI TUDO…

Perder é normal, mas ninguém esperava perder de sete (s-e-t-e) da Alemanha. O que resta à Seleção Brasileira é juntar os cacos para recomeçar tudo de novo.

O que aconteceu ontem vai ficar marcado. Ainda mais para mim. No dia de ontem havia faltado luz na minha rua, entre 14:30 e 17:30. Quando a luz voltou, o Brasil havia tomado quatro gols da Alemanha.

Derrotas servem para aprender que é possível recomeçar uma hora, sabendo que algo estava errado, e estava errado. Servem para entrar para a história como o pontapé de um recomeço. O que aconteceu foi vexatório, foi. Mas uma hora, farão da queda um passo de dança.

Aos que torceram contra a seleção por motivos alheios ao futebol, lamento muito. Poderia ignorar os assuntos de futebol e tocar uma página com frases e afins. Mas assim quis manter a postura nas redes justamente porque o evento poderia ter uma abordagem diferente. Cara fechada foi o que me levou a queda que sofri e precisei passar pelo tratamento que passei para poder ao menos abrir um sorriso e tirar a frieza que carregava. Não quero essa frieza de volta, não me deem essa cara fechada que por quase tantos anos carreguei, mesmo contra a vontade, de novo.

Agradeço a cada um que curtiu as artes (que estão nas redes sociais). Até gente dos próprios países envolvidos na competição curtiu e compartilhou as artes, visto exemplos no “Como você anda?”, o Tumblr do blog. Numa das artes, do jogo Alemanha X Argélia, uma das duas curtidas da imagem foi do Instagram oficial da Federação Alemã de Futebol (isso mesmo). Teve Tumblr da Argentina que reblogou o placar de Argentina X Suíça. E até pedido de correção (atendida) de um outro usuário do Instagram da bandeira da Costa Rica, que em uma arte aparecia errada; a bandeira da Tailândia foi postada como sendo da Costa Rica.

Levei cada canto do terraço de casa para o mundo. Mostramos de uma forma lúdica a proposta de mostrar algumas partidas e seus placares (parte não foi feita por causa de uma crise forte de rinite alérgica). Tudo isso foi feito por aplicativos móveis. Algumas artes foram feitas segundos depois das fotos serem tiradas. Mais uma coleção de fotoartes que fez sucesso, a primeira desde a reforma do projeto All types & Fotoartes.

Ficamos em casa, mas participamos da Copa. Sem fechar os olhos para os problemas. Mas sem tornar os problemas um obstáculo. Os meus mesmos, convivo, pois carrego para a vida sabendo que não posso desanimar diante deles.

E a vida é isso. Ganhamos, perdemos, apanhamos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Faturando no TikTok Shadowbanning no Instagram: isso existe? Confirmação em duas etapas no WhatsApp Como o Instagram classifica o que você vê O que é o TikTok? Entendendo os algoritmos do Instagram WhatsApp não irá limitar quem não aceitar nova política de privacidade Truques para ativar a função de pagamentos do WhatsApp Como exibir o número de curtidas no seu Instagram WhatsApp libera função de acelerar áudios Storytelling da Luneta Novos recursos de áudio do Facebook