ANDANDO NA CIDADE- PARTE 1

O serviço de trens da capital foi muito bem avaliado. E com razão: numa vez em que eu peguei um trem, marcado para as 9:36 da manhã, ele chegou exatamente às 9:36 da manhã. Foi num dia em que fui para Cabedelo.

Talvez a cidade de João Pessoa esteja sim numa posição privilegiada no que diz respeito a transporte público, embora sim, existam problemas, mas nada de muito ruim. Também li num portal aqui da capital (o da Correio) que serão colocados 40 novos ônibus na frota da capital, com portas largas (1,10 m de largura) e adaptação para necessidades especiais, como poltronas para obesos e barras (aquele apoio em que você se segura no veículo quando viaja de pé) em relevo para deficientes visuais.

E aí, falando em ônibus eficientes, eu fiz as contas: a cidade tem 21 ônibus com adaptação para deficientes e desses, 17 circulam no corredor da Epitácio Pessoa (o corredor 5). Outros corredores, como aqui mesmo onde estou, no Rangel, só tem dois veículos com essa adaptação, e de linhas circulares diferentes, um na linha 2515 (Mangabeira por Dentro-Cristo/Epitácio, prefixo nº 0744) e o outro na linha 3200 (Circular- Valentina/Mangabeira, prefixo nº 07181).

E na Pedro II, também são dois, o 3200 acima e um da linha 304 (Castelo Branco-Pedro II, prefixo nº 07160). Todos da empresa Transnacional.

Em Cruz das Armas, rodam dez veículos com adaptação:

Da Transnacional: um da linha 1500 (Circular- Manaíra Shopping, prefixo nº 07115) e dois da linha 5100 (Circular- Manaíra Shopping, prefixos nº 0718 e 07177).

Da Reunidas: um na linha 109 (Rua do Rio, prefixo nº 0883) e outro na linha 1510 (Circular- UFPB/Unipê, prefixo nº 0807)

Da São Jorge: um na linha 1502 (Geisel-Alto do Mateus, prefixo nº 0216) e outro na linha 5120 (Valentina- Epitácio/Cruz das Armas, prefixo nº 0262).

Da Boa Viagem: dois da linha 5110 (Circular-UFPB/UNIPÊ, prefixos nº 06003 e 06020)

Da Mandacaruense: um da linha 1001 (Bairro das Indústrias- Manaíra Shopping, prefixo nº 0451)

Na Epitácio, como bem disse, rodam quase toda a frota de veículos com adaptação, totalizando assim 17 veículos. Já citei 5120, 1502, 1500, 5100 (2), 5110 (2), 1001, 2515, já temos nove veículos. Eis os que rodam na Epitácio ida e volta:

Da Reunidas: um da linha 5600 (Mangabeira- Shopping, prefixo nº 0870) e outro da linha 521 (Tambaú-Bessa, prefixo nº 0891).

Da Mandacaruense: três da linha 506, (Bairro dos Estados, prefixos nº 0415, 0433 e 0463). É a linha mais adaptada da cidade, já que em seu percurso está a FUNAD.

Os outros veículos estão na linha 503 (Padre Zé, prefixo nº 0405) e 1001 (já citei).

E por fim, Marcos da Silva, com dois veículos adaptados, todos na linha 507 (Cabo Branco, prefixos nº 0921 e 0922).

Esperamos que cada vez mais comunidades possam ter veículos adaptados. E a próxima matéria se refere aos veículos longos.

Compartilhe este post