OLHANDO PARA TRÁS, O DIA FOI INTENSO…

Hoje tirei fotos de flores e dei continuidade a série #48folhas. Olhando para frente, vi que consegui pela primeira vez fechar 20 posts (uma página completa a partir da estrutura do blog por mim estabelecida) em um único dia.

2013-10-20 14.17.27

Para quem queria se distrair com alguma coisa que lhe fizesse feliz, nem que seja por um momento, e por tudo que venho passando por conta do tratamento das manias e outras coisas, o dia de hoje foi uma vitória. Nem sei de onde tiro forças para continuar em frente (só Deus explica e só Ele pode ser a explicação). Um dia pensei até em jogar isso tudo para o alto. Mas não, isso para mim soaria como uma derrota, e uma das características do transtorno obsessivo-compulsivo é exatamente o medo de imaginar como seriam as coisas sem que você tenha por perto tudo o que você precisa e quem você ama.

Se eu queria o meu universo de volta, aos poucos estou recuperando. E sei que a caminhada é lenta. Hoje pude pela primeira vez produzir muito o suficiente para fechar uma página inteira deste blog. Uma página que construí até a estrutura, por onde estabeleci que 20 páginas era tudo o que uma pessoa poderia ler em uma página inicial. E hoje posso dizer que tudo isso foi feito hoje, como um jornal de hoje. E os dias que eu não pude escrever nada? Compensa por todos.

Que todos os dias possam ser dessa maneira, felizes, produtivos, com histórias para contar, amigos para conversar e a vida para se aproveitar. Eu ainda tenho 25 anos e sei que preciso me movimentar e descobrir coisas novas. E olha que já juntei bagagem suficiente.

História para contar não me falta. Vocês tem 1935 para ler. Pois é, estamos perto de 2000 posts. Quanta história ainda não há para contar? Quanta história não há para se contar em apenas um dia?

Ainda temos muitas histórias para contar e outras que sonho em escrever. Essas eu quero contar com muito gosto nesta página.

Jogar tudo isso para o alto? Ah, já afastei esse pensamento para longe. Quero é continuar construindo meu espaço e recuperar o meu universo. Pois é nele que me sinto bem.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

100 histórias A mudança das cores do WhatsApp Como usar o WhatsApp em múltiplos aparelhos Celulares onde o WhatsApp vai parar de funcionar Como funciona a verificação de contas no Instagram Como aparecer na pesquisa do Instagram Lista Telefônica é da sua época? Onde o WhatsApp vai parar de funcionar O Instagram bugou de novo! Ouvindo áudio antes de postar no WhatsApp Web Política de privacidade do WhatsApp ajustada para o Brasil Instagram dá fim ao “arrasta para cima”