Image

#ContentTalks: a identidade que muda sem mudar

A nova apresentação das redes sociais do site foi feita para se adaptar ao que já existe. Muda sem mudar, praticamente.
,

Ano Novo, artes novas. Pelo menos algumas delas. Desde ontem, as artes para mídias sociais passaram a ser mais claras, mas isso não quer dizer que eu aposentei o azul mais escuro, nada disso. A minha ideia é que essas cores coexistam, afinal elas já fazem parte da paleta de cores que eu adotei há cinco anos. E nunca usei elas por completo. Por isso, eu quis rodar a paleta de cores por completo, criando um conceito de identidade que muda sem mudar.

Rodar a paleta de cores é entender que existem mais tons do que os que eu apresentava todos os dias. Alguns elementos também mudaram e passaram de certo modo a ser mais racionais com a capacidade de produção, como só raramente adotar artes específicas para stories. Elas foram poucas em comparação com o número de artes produzidas no ano passado, só para se ter uma ideia.

Algumas artes já se adaptaram para um modelo que será adotado nos resumos da semana na Luneta, que terão datas em cada arte não só para identificar em que datas os posts foram ao ar, mas também ajudar o editor, que não aguentava mais ficar observando em segunda tela os carrosseis para ir remontando nas outras redes sociais.

E bem, algumas mudanças já começaram a ser vistas. A cor mais clara vai começar a predominar na maioria dos posts, como se pode ver melhor. Eu passei a adotar essa cor mais clara nos destaques do site, web story em destaque e A semana na Luneta por causa de posts com fundos da mesma cor de antes, que eram “engolidas” pelas cores. Isso já não vai mais acontecer quando a arte do post que você vê acima for apresentada no resumo semanal.

Todas as cores merecem ter o seu espaço, e isso é o que move essa nova apresentação de uma identidade que já é consolidada e não precisa mudar de uma forma tão radical. Ela foi feita para isso mesmo, se adaptar aos tempos e as novidades. Muda sem mudar, e gradualmente pode ser feita uma transição para gerar menos impacto visual.

O site passou por uma mudança sutil no mês passado, mudando a sua tipografia de apresentação, padronizando com o resto da minha comunicação visual. E isso é uma parte dessa mudança. Afinal, para quê mudar de uma forma tão radical? O importante é que as pessoas reconheçam a marca do site e dos projetos ao longo do tempo, e adaptar a marca é um processo de longo prazo que custa a ser feito do zero.


Receba os posts do site em seu e-mail!

Toda vez que um post for publicado no site, você irá receber na hora.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Antes de deixar o seu comentário, leia a Política de Comentários do site.

Luneta Sonora

Um podcast sobre tudo e o nada ao mesmo tempo.
  1. Luneta Sonora 134: E as minhas redes sociais, como estão?
  2. Luneta Sonora 133: Sorteio das cores da rodada 133 da #FolhaColorida
  3. Luneta Sonora 132: Que tal mais um pouquinho de bastidores?
  4. Luneta Sonora 131: É feriado, mas eu tenho que gravar
  5. Luneta Sonora 130: Mais uma semana trazendo novidades
  6. Luneta Sonora 129: Um episódio organizado no meio da desorganização

Assine A Luneta

Receba os posts do site em uma newsletter enviada às segundas, quartas e sextas, às 8 da manhã.