Image

Brigando com o algoritmo

O algoritmo dos mecanismos de busca é justo com os pequenos editores?

O algoritmo dos mecanismos de busca é justo com os pequenos editores?

Pergunta feita por este editor

Eu não diria exatamente que o algoritmo é justo com os pequenos editores. Na realidade, eu queria entender se os algoritmos sabem o que a gente quer, sabem o que a gente escreve, e que a gente tem uma linha editorial. É lógico que eu não sei quem está do outro lado da tela lendo este texto, mas alguém leu este texto, por mais difícil que possa parecer entregar direito para as pessoas.

Muitas vezes a gente entrega tudo nas mãos do Google, é verdade. Eles mudam o algoritmo de tempos em tempos e a gente que se vire para entender o que ele quer de nós. Queria demais tentar entender. Queria demais tentar fazer o possível para entregar ao máximo para as pessoas aquilo que eu sei fazer e o que as pessoas esperam de mim.

A grande realidade? Eu não escrevo só pensando nos algoritmos dos mecanismos de busca. Eu escrevo para pessoas. Eu escrevo como um modo de conversar com pessoas com as quais eu não posso conversar por não as conhecer, mas que de certo modo sentem que estão conversando comigo através de cada texto ou arte que eu compartilho com as pessoas.

Para isso, eu tenho que brigar com o algoritmo para que ele entregue ao máximo, dentro daquilo que ele considera aceitável. Não é por algo que eu não sei como funciona direito. É para quem está do outro lado e de certo modo lê o que eu tenho para falar. Posso muitas vezes ser chato, mas sou eu mesmo.

Se este texto chegou até você, saiba que é exatamente para você. Eu posso não saber quem você é, mas você é muito mais do que só um número nas visualizações do site. Se hoje eu brigo com o algoritmo, é para que essa mensagem chegue até você, na certeza de que eu tenho alguma coisa para falar e mostrar.

Este é o tema “Conhecendo Você”, o primeiro post do dia no Site Josivandro Avelar, com perguntas que eu respondo sobre temas de autoconhecimento e cotidiano. Inicialmente elaboradas por inteligência artificial, as perguntas passaram a ser elaboradas por mim e pelo público através dos canais de contato e redes sociais.

Quer me conhecer melhor? Siga-me nas redes sociais abaixo:


Receba os posts do site em seu e-mail!

Toda vez que um post for publicado no site, você irá receber na hora.

Antes de deixar o seu comentário, leia a Política de Comentários do site.

Assine A Luneta

Receba os posts do site em uma newsletter enviada às segundas, quartas e sextas, às 8 da manhã.